terça-feira, 8 de setembro de 2009

Princípios econômicos aplicáveis

Na vida, é tudo uma questão de trade-off.

Quanto maior o seu Custo de Oportunidade, maior o benefício final.

Por exemplo, se você perdeu aquela festa do ano para estudar, muito provavelmente será recompensado com uma nota boa na prova.

Levantar a cada dia pensando em fazer o melhor. Na escola ou universidade, nos cursinhos, nas amizades, na academia ou no treino de basquete. Tentar se superar a cada dia. Render mais. Aumentar a produtividade. Não existe máquina de rendimento 100%, a perfeição é uma utopia. Por isso, às vezes a especialização é uma vantagem e a troca essencial.



É claro que a vida não é uma equação matemática, mas o esforço é fundamental.

Bom dia.

6 comentários:

  1. "Por isso, às vezes a especialização é uma vantagem e a troca essencial."
    É nessas horas que eu me lasco. Tenho sério problema de priorização de atividades.

    ResponderExcluir
  2. Pois é, o difícil às vezes é saber o que vale mais a pena.

    ResponderExcluir
  3. A perfeição não existe, nem para como você é, nem para o que você faz, nem para o que está acontecendo.
    Às vezes julgar é a coisa mais fácil quando não se chega lá, mas chegar o mais longe possível, estar nos 99% já está de bom tamanho pra boa parte da população.

    Uma vez fui procurar um curso de programador em JAVA e conversa vai, conversa vem, a mulher no final disse que não da pra ser como o profissional dos anos 80 que sabia um pouco de tudo e nunca um tudo de pouco.
    Então eu falei que era melhor desistir de tudo, porque não existe o tudo de pouco. Existe o quase lá, que mata muita gente e chega uma hora que é melhor desistir.... haha

    ResponderExcluir
  4. po...só comentários difíceis e cultos 8B...

    ResponderExcluir
  5. Pois é, difícil na hora é saber o que mais vale apena e optar por algo que mais tarde traga o arrependimento. Força de vontade é o necessário para tudo :)

    ResponderExcluir
  6. A questão é, se a vida não é uma equação matemática, será que a boa nota na prova é recompensa ou apenas um prêmio de consolação?

    ResponderExcluir